checked ✓

Estava vendo no Terra uma lista de 11 coisas que todo homem tem que fazer antes de morrer. Listas assim são tipo meio guilty pleasure musical, não? Eu leio a chamada, meu cérebro processa e lança a primeira coisa automaticamente na minha boca, que por sua vez balbucia baixinho: idiota.

Mas como todo guilty pleasure, o que eu faço? Clico no link e leio a porra da lista.

1. Tenha um reputação — fuck … alguém disse pra alguém que eu gosto de sangue e isso se espalhou, o que quer que gostar de sangue possa significar. Tem também a fama de born to be wild no volante, mas essa também é mentira. Fora essas não sei. To aceitando alguma eu acho então.

2. Saiba os diálogos de pelo menos um filme de macho de cor — Star Wars conta?

3. Colecione algo — século XXI, tenho todas as coleções do mundo a um clique de distância

4. Saiba pelo menos fazer um prato bem — se churrasco contar to de boa.

5. Faça sexo em local público pelo uma vez na vida — ok, você venceu, batata frita.

6. Salte de pára-quedas — curioso que eu estava falando disso 2 minutos antes de ler isso, juro. Falei “quero fazer algo diferente da vida amanhã, não quero ir trabalhar, acho que vou pular de pára-quedas”. Claro que eu não fui, até porque outro dia fiz uma mini-pesquisa e essa porra custa caro,…mas um dia eu vou.

7. Tenha uma noite de sexo com uma estranha — contando a minha dificuldade em conhecer pessoas, fudeu. Mas ok, o trânsito tá ai pra isso.

8. Dê seu lugar para uma mulher em transporte coletivo — qual era o bom busão? Terminal Pirituba X 455?

9. Seja bom um jogo não considerado um esporte — Winning Eleven e War… Uhu! Fuck, coisa estúpida.

10. Proporcione um legítimo orgasmo a uma mulher – ✓

11. Faça uma lista de 11 coisas blablabla — essa foi bem idiota.

O mundo é um tecido porque outro dia no banho (onde mais?) tinha pensado em fazer um post contando uma passagem da minha infância. Eu devia ter uns 11 anos sei lá, vai saber, quando numa virada de ano resolvi virar supersticioso e coloquei dentro um plastiquinho aquelas sementes de romã ou uva ou lentilhas com um papel com o que eu queria fazer até quando fizesse 18 anos.

Pois bem, esqueci na minha carteira, quando em um belo dia, voltando da gloriosa Galeria do Rock fui abordado por um assaltante com mais dois colegas meus. Enquanto tirava minha carteira para entregar lembrei do plastiquinho perdido no meio de tudo. Qual não é minha surpresa ao ver que tinha 50 reais dentro? Claro que o assaltante viu e queria os dinheiros pra comprar coca ou whatever. Fiquei na bad por causa dos meus pedidos e pedi com educação: ok, leva o dinheiro mas deixa o plastiquinho comigo? Ele tirou a nota, jogou o plástico em mim e saiu correndo. Nice! 50 dinheiros menos rico mas com meus pedidos em mãos!

Os anos passaram, a superstição também e um belo dia resolvi abrir aquele papel. Antes dos 18. As letras estavam apagadas e eu não lembro direito tudo que estava escrito, mas lembro de três coisas especificamente:

– conhecer novas pessoas/melhorar em falar com as pessoas — ok, talvez precise desse pedido de novo.

– arranjar uma namorada —

– aprender a tocar bateria — FAIL.

Sério, quem faz listas assim? Ainda mais uma lista de “pedidos”… não é a toa que não consegui fazer muita coisa contida nela. Ou será que foi porque eu abri antes dos 18? Oh fuck … me perdoe, genie in a bottle?

Texto: F. Garrido

Ao som de Rhythm, Chord & Melody (The Reign Of Kindo)

Advertisements

2 responses to “checked ✓

  1. Nossa, isso me fez lembrar aqueles cadernos “enquete” que respondia no colégio, se ñ a “coleguinha” ia ficar chateada… sério, nunca tive paciência, além do q as perguntas eram sempre as mesmas… super criativas!

    Eu sou adepta das listinhas de “desejos”!rs. Acho legal o exercício de escrever/registrar, ou repetir 3 vezes alto, prestando atenção no que estou dizendo/ouvindo, p/ ter ctz de q é aquilo mesmo que eu quero! Pq é assim, jogou no Cosmos, é bumerangue! Por via das dúvidas, é melhor saber pedir…

    E os itens 5, 7, 8 e 10, podiam”até” ser resolvidos num combo… Talvez mudar a ordem 8, 5, 10 e 7, deixaria mais didático! Bem “dama da lotação”!

  2. melhor parte do post: “ok, você venceu, batata frita.”
    essa música é ótima!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s