twitter/tatuagem/periodicidade/francês/incêndio/7e7são14/googlereader/barsa/academia/baterias/mp3/bicicleta/barueri/fimdainternet

O mundo tem informações demais, ó meu deus. Esses últimoa dias eu tava meio nessa noia de achar um jeito de lidar com todas as coisas que quero fazer, ver, ler e escutar. Tá certo que não é um tema lá muito inovador e único, mas acontece. Fico até pensando que felizes eram os habitantes dos anos faz-tempo, quando meu avô ainda surfava, a escrita de farmácia era phyna e tínhamos (eles) acesso a muito menos informação. Salve a Barsa, a periodicidade mensal e a ausência dos mp3. Agora, além daqueles problemas como preciso acordar mais cedo, resolver o negócio do computador, será-que-caso-ou-compro-uma-bicleta ou quem sabe faço uma tatuagem, tem a lista sempre crescente de coisas que eu queria saber/conhecer. Vamo aí. Fazer teste de nível no francês (parte dela por telefone – complicado), ir na assistência do computador (sabia que baterias podem inflar dentro do seu notebook?), mudar de academia (um mês grátis, yes) e voltar a usar o google reader.

Tinha dado uma olhada na página uns tempos atrás, mas voltei pra ver qual era. Afinal, promete ser a resolução dos problemas e me servir com os updates de todos os sites que eu escolha. Nice, tá funcionando até agora. Criei um twitter também, agregar para viver. Essas mini entradas que aparecem ali o tempo todo foram um dos motivos do desespero “o mundo tem informações demais, ó meu deus”. Tá passando.

Legal é que de vez em quando chove, a telefônica pega fogo em Barueri, ou até meu roteador fica meio louco. Aí a magia acaba.  Não existe nada mais perturbador do que meia hora sem internet. Talvez isso 

Lucas Melo

Advertisements

4 responses to “twitter/tatuagem/periodicidade/francês/incêndio/7e7são14/googlereader/barsa/academia/baterias/mp3/bicicleta/barueri/fimdainternet

  1. Iniciativa, é isso ai… afinal,
    “In the teeth of these stupefying odds it is you and I, in our ordinariness, that are here.” Então, nada mais justo que querer dar conta de entender tudo que se passa por aí afora… sem esquecer de dentro, claro!

    Boa parte do meu domingo foi dedicada ao Dawkins, autor do trecho acima… fiz vários paralelos lendo esse texto agora. No mesmo livro, ele cita Hamlet… acho q cabe aqui:

    “There are more things in heaven and earth, Horatio, Than are dreamt of in your philosophy.”
    (phyno, q nem era a farmácia! rs)

  2. miltinhorodrigues

    mulher fazendo improviso de hip hop e baixista homem pintando a unha de preto? desnecessário… assim como o twitter.

  3. pitty meets leela and hermes e renato.

    vou dizer que tb achava o twitter um negócio estúpido, mas tô me divertindo com ele.

  4. engraçado ter achado esse blog sei-lá-como.
    e engraçado tb, ver que as pessoas, assim como eu, também se desesperam com essa coisa de “o mundo tem informações demais, ó meu deus”.
    já passei por crises com isso. achei que era muito bom e que eu devia ser feliz tendo tanta informação. e já achei péssimo, querendo apenas apagar tudo da minha cabeça e esquecer que o mundo existe. isso de desligar o computador pode dar um grande alívio. parece que a vida é menor, é mais tranquila e você pode ser a pessoa mais feliz da face da tera mas não. não dá pra aguentar muito tempo. me sinto desprotegida, desinformada desesperada. e o engraçado é pensar que muita gente vive sem esse milhão de informação e mesmo assim é lindo e absoluto. pena que não da pra voltar no tempo e ser como éramos antes. onde tudo que eu sabia sobre a internet é que tinha o site da turma da mônica com vários joguinhos e tirinhas intermináveis! fim.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s